Tendências do turismo: A viagem como um agente de transformação

13/1/2021 | Dicas

Estamos muito acostumados em associar, quase que de forma automática, o assunto “viagens” com experiências de lazer, como relaxar em belas praias, passear de barco, curtir hotéis com vistas paradisíacas, experimentar a gastronomia tradicional de um destino, caminhar por cidades históricas, visitar museus, etc.

Mas, a verdade é que os motivos para viajar são muitos e as formas de fazer isso também. De forma mais generalizada, sabemos que existem as viagens a lazer, a trabalho, diversos tipos de experiências voltadas para o desenvolvimento profissional, como intercâmbios, roteiros específicos para um segmento, como as missões agrícolas; viagens focadas no aprendizado de uma atividade como meditação, yoga, gastronomia; viagens para celebrar e marcar datas especiais, para citar alguns exemplos.

O ponto é que cada vez mais os motivos que levam um viajante a um destino, se cruzam, exigindo maior criatividade e inovação do setor do turismo para potencializar essas experiências. Alguns exemplos? O viajante que participar de um evento sobre Agronegócio, também deseja poder otimizar o tempo, estando com sua família e vivendo momentos de lazer no destino visitado, nos intervalos das atividades profissionais. O(a)s jovens que farão uma viagem de intercâmbio, para aprender um novo idioma, também desejam aproveitar e viver experiências de imersão cultural.

E mais do que tudo isso, as pessoas, individualmente, também mudam. Seus desejos e expectativas mudam. A sociedade muda, a cultura muda e tudo isso pode influenciar a forma de viajar e também quais serão as tendências do turismo. No momento em que vivemos, por exemplo, com os novos protocolos sanitários, é fundamental pensar e proporcionar experiências mais intimistas aos viajantes.

A missão de uma empresa apaixonada por viagens e por criar experiências inesquecíveis para seus clientes, como a Sumond, é estar sempre antenada, olhando lá na frente, interpretando todas essas nuances, para desejar viagens transformadoras.

Por isso, viemos hoje dividir com você, algumas tendências do segmento de turismo. Quem sabe você não se inspira para sua próxima aventura?

O que os viajantes têm buscado?

Mais do que uma experiência marcante, os viajantes têm buscado propósito, transformação e pertencimento. A autenticidade também é um fator indispensável. Mais do que simplesmente conforto e luxo, o viajante quer realizar um mergulho cultural, conhecer a região visitada, poder experimentar um vinho ou uma refeição que os próprios moradores do local apreciam, conhecer sua produção, pertencer, por alguns dias, àquele sistema.

Segundo pesquisas de canais como Booking e Euromonitor, as preocupações com o meio ambiente também começam a influenciar a decisão de muitos viajantes. Descartar destinos que sofrem como “overturism”, consomem grandes parcelas da energia mundial e não se preocupam de forma adequada com o impacto ambiental, tem se tornado mais frequente.

E, possivelmente, influenciados pela rotina intensa que todos vivemos, muito promovida pelo uso intenso da tecnologia, experiências que permitem um detox de toda essa correria, uma reconexão com si mesmo e com a natureza ao redor, que deixem uma boa sensação a longo prazo, mesmo após o fim da viagem, têm lugar especial na decisão dos atuais viajantes.

Uma curiosidade, é que o turista brasileiro é muito disposto a viver experiências diferentes e ousadas. Muitos têm interesse em hospedar-se em locais diferentes, como no fundo do mar, e somos um dos 10 países mais dispostos a desfrutar de uma viagem espacial no futuro!

Conheça algumas possibilidades para quem deseja uma experiência inovadora

Para mergulhar na cultura local – Serra Gaúcha

Nem sempre é preciso ir longe para viver momentos especiais, cheios de autenticidade. Nas Serras Gaúchas, em uma de suas três regiões conhecida como Região de Serra, você realiza um mergulho nas tradições da imigração italiana, conhecendo seu famoso cultivo de uvas e vinhos. A culinária e costumes herdados desse povo, criam uma atmosfera bem marcante, caracterizada também por uma recepção calorosa aos visitantes.

Visitando Bento Gonçalves, cidade repleta de vales e vinhedos, você tem a chance de conhecer algumas das vinícolas mais famosas do Brasil, como Miolo e Casa Valduga. E seguindo pelas belas estradas dos vales, você encontrará lugares cheios de casas típicas dos colonos mais tradicionais, além de alambiques, artesanato e gastronomia. Uma chance de parar, experimentar e conversar, para conhecer histórias e se conectar com essas pessoas.

Para promover a consciência ambiental – Madasgacar

Fonte: https://www.tripadvisor.com.br/Hotel_Review-g479206-d12869424-Reviews-Time_Tide_Miavana-Nosy_Be_Antsiranana_Province.html

O resort Time + Tide Miavana conseguiu inovar ao oferecer luxo e muito conforto sem deixar de lado a consciência ambiental.

Segundo seu fundador, Thierry Dalais, o resort “defende uma responsabilidade de longo prazo de fazer o bem e conservar os lugares mais bonitos do mundo, pois essas áreas são para todos e para ninguém; conservá-los é nosso dever como humanidade”.

O projeto é extenso atuando desde a conservação da biodiversidade, como na educação dos visitantes sobre a vida selvagem local e no impulsionamento da economia da região. Sua experiência será completa, pois além de toda a qualidade do lazer, você se sentirá incluso num movimento transformador.

Para se desligar da rotina e se conectar com a natureza – Amazônia

Fonte: https://jumalodge.com.br/bangalos/

No Juma Lodge, no Amazonas, você pode conhecer a sensação de, literalmente, morar numa casa na árvore, se hospedando num bangalô em meio a Floresta Amazônica, suspenso sobre as águas do rio, entre as copas das árvores.

Este resort está situado em uma área preservada e remota, porém com estrutura aconchegante com bar, restaurante, piscina e até um museu. Nos serviços, está também um passeio de barco para ver o fenômeno natural do encontro das águas dos rios Negro e Solimões.

Para viver algo totalmente diferente  – Bolívia

Localizado no deserto de sal, o Salar de Uyuni, na Bolívia, fica o hotel feito quase que completamente de sal. Paredes, tetos, mobílias e algumas peças de decoração, tudo formado pelo sal. O hotel ainda oferece campo de golfe e spa com diversos tratamentos estéticos.

A região onde fica o hotel pertence à Cordilheira dos Andes, estando a cerca de 3.660 metros de altitude, proporcionando aos hóspedes, paisagens encantadoras para as montanhas mais famosas do globo.

Seja qual for seu estilo e sua motivação para viajar, aqui na Sumond temos uma vasta cartela de opções para te oferecer. Será um prazer te conhecer melhor e assim, poder desenhar uma experiência que supere suas expectativas.

Lembrando que, estamos totalmente preparados para te conduzir com toda a segurança, respeitando todos os novos protocolos sanitários, através de experiências que priorizam atividades mais intimistas, sem deixar de lado o que faz seu olho brilhar!